segunda-feira, 3 de março de 2014

Liderança indígena do Povo Pitaguary foi mantida em cárcere privado por mais de 20 horas!



Situação muito grave: a liderança indígena Rosa Pitaguary foi mantida em cárcere privado e sob ameaça de armas por mais de 20 horas, neste sábado e domingo. O motivo: a luta em defesa do Povo Pitaguary.


“No último sábado por volta das 21 horas um grupo de índios contrários à luta indígena e não-índios invadiram a casa de apoio na aldeia Monguba Pitaguary e lá mantiveram por mais de 20 horas a liderança e representante da Comissão Nacional de Política Indigenista Rosa Pitaguary. Durante essas 20 horas várias ligações foram feitas para as policias militar, federal e civil, mas foi muito revoltante o descaso dado a esta grave situação por parte da polícia. A Policia Federal não veio por que disse que este caso não era de interesse da União. Já a policia militar também não podia fazer nada porque a área era Federal. Gente foi angustiante só conseguimos a presença da polícia por volta das 15hs de domingo por interferência de uma pessoa que é da polícia que usou sua influência e amizade e nos ajudou. Só assim a policia veio a Rosa foi libertada, depois de mais de 20 horas mantida refém”. Clécia Pitaguary




NOTA DO CENTRO DE DEFESA E PROMOÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS DA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA.

O Centro de Defesa e Promoção dos Direitos Humanos da Arquidiocese de Fortaleza reitera o seu apoio e apreço pelas lideranças do povo Pitaguary, que sempre estiveram juntas da comunidade lutando pela dignidade e terra. Reprovamos toda forma de coação, intransigência e violência que vise desqualificar a luta coletiva e as autênticas representações desse povo. A luta é de todos, mas precisa de lideres, que não são impostos através da força e sim da dedicação que empregam a causa. Reprovamos também a omissão da policia que se esquiva de agir quando demandada colocando vidas em risco em nome de meras formalidades legais.

Atenciosamente,
CDPDH.



O Comitê Permanente em Apoio à Causa Indígena presta solidariedade à companheira Rosa, grande guerreira e ao Povo Pitaguary.


Campanha Vamos Apoiar a Apoinme

Arquivo do site

Em destaque